24
fev
11

Concerto de Ispinho e Fulô

Vencedor do Premio Shell 2009 na categoria música, o Concerto de Ispinho e Fulô é uma homenagem musical ao poeta Patativa do Assaré. Sob a batuta do diretor Rogério Tarifa, a Companhia do Tijolo celebra a vida e a obra de um roçeiro que retratou liricamente a miséria da vida sertaneja. Poeta da oralidade, Patativa denunciou as agruras do povo nordestino que sofreu tanto com a aridez da terra do sertão quanto com a secura de alma dos governantes.

Com um tom reverente, o espetáculo musical enaltece o universalismo poético de Patativa. Apesar do provincianismo de Patativa cujo mundo era o cenário agreste e estio de Assaré, as suas poesias não são delimitadas pelo regionalismo sertanejo. Pelo contrário, os seus versos extrapolam as fronteiras territoriais. As suas rimas ecoam tanto na alma do vaqueiro sertanejo quanto na alma do executivo urbano.

Rompendo com a rigidez da ordem cronológica, o Concerto de Ispinho e Fulô escapa da previsibilidade da narrativa linear. Ao invés do didatismo biográfico, a trajetória de Patativa é transmitida de maneira assimétrica e fragmentada. O que importa é resgatar o trovadorismo de Patativa através de canções que ilustram a sonoridade sertaneja dos seus poemas. Por meio de versos ritmados, os espectadores são convidados a mergulhar no universo repentista e cordelista do poeta nordestino.

Concerto de Ispinho e Fulô
Direção: Rogério Tarifa
Texto: Companhia do Tijolo
Classificação etária: 14 anos
Duração: 120 minutos

Anúncios

0 Responses to “Concerto de Ispinho e Fulô”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: