17
maio
10

Homem = Res Dejetans

A virada cultural não é útil apenas pelas atrações artistícas. Além da programação cultural diversificada, creio que a virada desmascara a imundície de espírito das pessoas. O véu que encobre o rosto sujo e podre da alma humana é rasgado pelo evento. Basta apenas um dia de espetáculos artísticos ao ar livre para descer as cortinas que acobertam o palco sórdido e desprezível do coração humano. Como as pessoas tem uma visão baixa e espurca da vida!

Caminhando por ruas asquerosas e repugnantes devido ao acúmulo de lixo, fiquei indignado com a indiferença abjeta das pessoas. O descaso ignóbil dos cidadãos com a conservação do espaço público é monstruoso. Ser um contribuinte que arca com todos os impostos não autoriza a degradar a cidade. Emporcalhar a cidade para contestar as autoridades é um sinal de mentalidade tacanha. Não são os governantes que limparão as ruas encardidas da cidade no dia seguinte; são os pobres garis que vivem em condições miseráveis por causa do salário paupérrimo. Por isso, rejeito a tese cartesiana de que o homem é res cogitans (matéria pensante); defendo que o homem é res dejetans (matéria fecal).

Anúncios

0 Responses to “Homem = Res Dejetans”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: